Its like coming of age...

Dizem que que de 7 em 7 anos algum planeta ai completa uma volta em torno do sol, ou dele mesmo, não sei, mas que isso influencia diretamente na nossa vida, nas mudanças que sentimos, nos questionamentos, e que os 7, 14, 21, 28 e por aí em diante, costumam ser anos difíceis. 
Eu acabei de virar os 28, e o que posso dizer, é que não podia estar mais feliz. As mudanças estão chegando, e eu estou lidando muito bem - como eu disse aqui, eu me preparei pra elas. 
A vida não está maravilhosa. Eu perdi o meu avô, eu tive que abrir mão de um trabalho que quis tanto por motivos injustos, etc... Mas estou me sentindo otimista. 
Consigo enxergar que meu avô foi pro céu que ele rezou a vida inteira pra merecer, arrumei outro emprego melhor, tenho força pra obedecer minhas vontades. 
Na semana do meu aniversário, passei 3 dias descansando, olhando o mar, e de certa forma, sentindo um orgulho imenso de ser quem sou. Óbvio, tem muito o que melhorar, sempre. 
Mas me senti feliz por ter corrido atrás do meu futuro ao invés de ficar reclamando diante da insatisfação, por ter entendido que ficar frustrada é normal, viver em estado permanente de frustração, não. Me diverti sozinha, mergulhei, engoli cada caloria com a maior satisfação, sem pensar muito, encontrei pessoas divertidas, estabeleci novas amizades, ouvi música, e agradeci, agradeci muito. 
Foi tudo delicioso, e eu só consigo olhar o futuro com muita empolgação - embora o inverno esteja chegando, e todo mundo sabe o quanto eu odeio inverno. Eu estou pronta. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow @ Instagram

Back to Top