Viagens Possíveis

Contei outro dia que aproveitei uma promo anunciada no Melhores Destinos, e pá... comprei uma viagem de ocasião. Mas a verdade é que estou com algumas viagens engatilhadas para os próximos meses. E aí, a pergunta que fica é: ta dando dinheiro em árvore? Como faz? Pra começar que não, não ta dando dinheiro em árvore, rs... E por isso mesmo, resolvi dividir meus truques por aqui, vai que ajuda alguém, né?
Melhores Destinos - ou MD para os íntimos
Ta pensando em viajar pra algum lugar mas ta achando tudo caro? Ta querendo viajar mas não sabe exatamente pra onde? Olho no MD! Eles anunciam ali praticamente todas as promoções de companhias aéreas que operam no Brasil (e também de algumas redes de hoteis). Se você já tem destino, fica de olho porque eventualmente vão anuncir uma promo praquele lugar que você tanto quer ir. Se não sabe bem pra onde ir, mas queria fazer uma viagem barata, fica de olho também.. ali você pode acabar achando uma promoção pra algum lugar legal, e já fechar sua viagem. Eles tem twitter, newsletter, enfim... vale ficar atento!

- Ativar todos os alertas possíveis e imagináveis
Hoje você consegue fazer uma busca pela passagem que você quer, e por um alerta para receber - diariamente, semanalmente - as variações de preço. O SkyscannerDecolarMomondo e Kayak são os que eu uso, mas sei que tem outros. E apesar do saco que é ficar recebendo trocentos emails sobre o mesmo assunto, o melhor é por todos mesmo. Essa semana o Kayak me alertou sobre uma passagem que não aparecia em nenhum dos outros buscadores ou alertas, nem apareceu a promo no MD, nada. Enfim, consegui comprar a passagem pra uma viagem que eu teria que fazer anyway, pelo preço mais baixo que já vi na vida. 

- Parcelamento amigo
Gente, vamos aproveitar que isso aqui é Brasil sil sil e parcelar, rs... Vai viajar em março? Estamos em Setembro? Encontrou uma passagem legal? Parcela aí pra terminar de pagar antes de viajar (SEMPRE). Na suavidade tudo é possível. O que não dá é pra estar na deprê pós viagem e com parcelas a perder de vista, né. Inclusive, tem companhia gringa com site hospedado no Brasil que dá essa possibilidade, tipo Avianca e Tap, assim você compra direto no site da cia e não paga taxa de administração pra sites tipo Decolar da vida. Usa só pra achar o melhor preço. 

Aqui é pra estadia. O Booking devo confessar que usei pouco, já que minhas viagens são sempre meio pobretas e não comportam hoteis bonitos e cheirosos, rs. Mas já achei bons deals para Buenos Aires, Amsterdam (que acabei preferido não usar, por motivos que contei aqui), Londres, etc. Várias amigas também usam, e você vê que o desconto é real. No hotel delicinha que fiquei em Buenos Aires, a tarifa no site era muito maior do que eu paguei pelo Booking. O AirBnb é o favorito de Mati. Antes dele, tinha usado uma vez: foi onde achei a casa-barco dos sonhos de Amsterdam. Mas ele é o rei do AirBnb, haha.. já tem o histórico de bom hóspede no sit, e tem faro. Os preços podem ser muito bons, mas tem que saber procurar. No Rio, por exemplo, tem apartamentos com preços irreais, mas buscando direitinho, tem coisa boa. E o Hostelworld é basicamente a melhor ferramenta pra achar hostels no mundo. De todos, o que mais usei, em tudo que é lugar. Nos 3 sites, o X da questão são as reviews. É por ali que você vai ver se a localização é boa, se o café da manhã vale os dinheiros extras, se o staff ajuda, ou se periga você encontrar Mickey Mouse no quarto (reviews pelo mundo afora mostram que ratos e hoteis se amam). Ah... tem gente que usa o Couchsurfing, que é de gratis! Eu nunca usei, não posso dizer - mas uma amiga foi pro Egito (!!!) de Couchsurfing e adorou o esquema. Pra quem tem as manhas, outra opção para economizar. 

- Airport Bus Service
Essa é pros paulistanos que estão viajando com poucas malas. Tem voo em Guarulhos? Não pague os dois rins em taxi. Pegue o metrô, aquele lindo, e vá debaixo da terra até a estação Tatuapé (driblando o trânsito, por consequência). Lá, desça a escada onde tem a placa "Terminal Urbano" e tcharam... Pegue o Airport Bus Service que vai até GRU, parando nos 3 terminais. Na volta, o ônibus sai da faixa do meio do desembarque. Essa jornada vai te custar os 3,50 do metrô + 4,50 do ônibus. Nada nem perto dos cento e tantos reais do taxi. Os ônibus saem a cada 15 minutos, a viagem dura uma meia horinha em condições normais, nunca peguei super cheio a ponto de ficar desconfortável, e de novo: só de ir de metrô até o Tatuapé, moradores de outros cantos como eu já escapam lindamente do trânsito das grandes avenidas ou marginais. Eu ainda fico besta como pouca gente conhece essa maravilha. Tem Airport Bus Service saindo de outros pontos da cidade também (acho que de Congonhas, Itaim, hotel Maksoud e República), mas é um ônibus com pinta de fretado, e custa 30 e poucos reais. O baratíssimo é esse do Tatuapé.

- Comida de rua
Comer num restaurante elegante e refinado é bom? Ô se é! Mas quando você ta viajando é muito legal ver qualé a do dia a dia das pessoas. Eu, por exemplo, adoro levar meus amigos gringos que visitam pra comer pastel na feira. Assim, tento achar o "pastel da feira" dos lugares que vou. Doner kebab e currywurst em Berlin, batatas com maionese no cone em Amsterdam, choripan ou empanadas em Buenos Aires, tapioca e acarajé na Bahia, um pão com gordura na Polonia, e por aí vai... Além de você sentir o sabor local, você economiza. Eu tento revezar: se fizer um almoço bacana, como mais baratex no jantar, ou vice versa. E se eu curtir muito a bendita da comida, como o currywurst, eu como no almoço, na janta, no café da manhã, etc etc. 

- Transporte público
Use e abuse. Em alguns lugares, como Buenos Aires, Bolivia e Peru, os taxis são baratos, e aí, dependendo da pressa que você ta, da programação do dia, da preguiça, da temperatura, vale a pena. Em outros lugares, eu acho perda de dinheiro. O negócio é baixar Apps que te indiquem os caminhos pelo transporte público (até o Google faz esse serviço), e se jogar com força. Você tem a possibilidade de desbravar cidades inteiras, se deparar com outros costumes, ver locais em ação e de quebra, economizar um dinheirinho. 

Enfim, poderia me estender aqui e fazer deste o post mais longo desse blog (se é que já não é), falando sobre procurar atrações gratuítas, free walking tours, passagens com saída numa segunda-feira, etc... Fato é que em tempos peludos de inflação galopante, dolar a 4 reais, euro a 5 e libra a 6, qualquer dinheiro mal gasto pode inviabilizar sua viagem. E eu não quero ter que pensar que não dá mais pra escapar da realidade de vez em quando, então vou cortar todo e qualquer gasto que precisar, mas eu vou fazer o que mais gosto na vida. 

E aí, tem algum truque? Divide aqui :)

6 comentários:

  1. Nossa Gabi, adorei seu post! Quanta dica boa! Eu sou a totalmente adepta das viagens economicas.
    O booking nao.eh so pra hoteis, tem muito hostel la. Ja usei varias vezes. E acho melhor que o hostelworld porque nao cobram 10% de reserva.
    Agora fiquei curiosa. Pra onde vc vai??

    Bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Ana.. eu já vi hostel no Booking também! Eu comprei passagem pra ir conhecer os sogros na California no fim do ano. Mesmo sendo reveillon, esse alerta do Kayak me mostrou uma passagem da Delta por 400 dolares! Surreal... Va lá que as conexões são daquelas de dar a volta no país, rs, mas por esse preço valeu a pena!

      Beijos

      Excluir
  2. Excelente post, Gabi, daqueles de deixar nos favoritos! Eu nunca consegui pegar boas promoções no MD, mas sei que tem coisa boa por lá. Também uso o booking e já peguei hotéis bons e baratos por lá. Além disso, já fiquei em várias casas pelo AirBnb e recomendo demais!

    Nunca deixo o alerta ligado pra esses sites tipo skyscanner e tal... vou lembrar da sua dica quando estiver procurando passagens da próxima vez!

    ps.: Califórnia, que invejaaaaa! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou das dicas!
      E quanto aos alertas, eu demorei a adotar eles por conta do excesso de e-mails, mas super funcionam. Fiquei besta como só o Kayak mostrou essa passagem por 400 dolares.. são1600 reais pra California em tempos de dolar absurdo! (fosse um ano atrás, não dava mil reais, rs). Alias, mais pra frente eu devo me empolgar mega com a viagem, por enquanto só consigo pensar no dolar e no tanto que eu vou ter que trabalhar pra visitar a sogra hahaha!

      Beijos

      Excluir
  3. adorei. está me ajudando muito. estou planejando as férias!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Planejar férias só não é melhor que as próprias férias, né?

      Excluir

Follow @ Instagram

Back to Top