Spring love

Setembro foi muito aguardado e, na minha cabeça, ele voou! Chegou chegando, junto com a primavera e o calor senegalês de 50 graus nessa São Paulo árida. Não reclamo, pois era verão mesmo que eu queria, né? 
Primavera chegooou!
Fui à Pariquera para o feriado de 7 de setembro e foi ótimo poder rever as amigas, passar bastante tempo com meus pais e descansar. Eu sempre fui pouco pra lá, porque meus pais vem bastante pra SP e eu me poupo do trânsito. Mas fiz um planejamento interno de ir mais vezes para lá este ano, porque sei que meus pais ficam muito felizes com a ~visita~. Já fui 3 vezes, o que não é muito, mas é mais do que fui nos outros anos. 

Tive dois casamentos de amigas queridas, e como é bom sentir a energia boa que rola nesses momentos, né? Estar ali, cercado de pessoas especiais, todo mundo se desejando o bem, a alegria, o amoooor, eu acho demais. Além disso, nesses eventos a gente acaba reencontrando amigos que não vê há algum tempo, o que é sempre divertido e rende boas histórias. Muita alegria, muita energia, muita dança, muita bebida, muita ressaca, ohhh myyy!
Love without filter
Em termos culturais/intelectuais (uiii), rendi pouco esse mês. Não estudei, não comecei o curso de excel que estava planejando, fiasco total. Comecei a assistir Narcos, mas estou indo devagar porque tem cenas pesadas que me deixam mal, e assisti UM mísero filme, O Homem Irracional do Woody Allen. Gostei muito! Eu estava meio cansandinho dos filmes dele, que sempre tem o combo homem perturbado + mulher pentelha. Esse também não foge disso, mas é bom e não me senti vendo o mesmo filme do ano passado. Como to com problema de espaço em casa, e ainda não morro de amores por ler livros no mobile, resolvi reler livros que tenho e que li há muito tempo, para depois doa-los. Nessa última semana comecei o Diário da Anne Frank, e já estou com percepções muito diferentes das que tive 13 anos atrás. 

Finalmente devolvi o apartamento velho. Eu já tinha me mudado por questões de logística, mas o apartamento velho ainda estava comigo porque o contrato vencia no fim de setembro. A mudança pra minha casa nova veio em agosto, mas me mudei pra uma casa mobiliada, né. Ou seja, os móveis não vieram. O que significa que eu precisava dar cabo de tudo da casa antiga. Minha mãe levou de volta muita coisa, afinal de contas foi ela quem montou esse apartamento com muito esforço mais de uma década atrás. Organizar essa mudança, encaixotar tudo o que ela ia levar, vender o que tinha que ser vendido, doar o que tinha que ser doado e carregar tudo pro caminhão no dia deu um trabalho do cão. Mudança é um troço desgastante, né? Minha vontade é de não me mudar nunca mais. Mas por outro lado, quando escuto os planos da minha mãe pra esses móveis, pra essas coisas, me dá o maior gás do mundo. I <3 Mami. Enfim, etapa concluída com sucesso, já tirei a rota do apto do meu Waze, e que alá abençoe os novos moradores desse lar tão amado. 
Meu quarto que montei com amor e que agora desmontei com gastuuura
Mexendo na tralharada do apartamento, acabei achando a pastinha com os documentos da possível cidadania italiana. Pois é... Quando voltei do intercâmbio, tava tão obcecada com a ideia de ir embora, que sai correndo atrás de todos os papeis, certidões e afins para conseguir a cidadania e sair fora assim que terminasse a faculdade. Mas com o tempo eu fui sossegando o faixo e quando terminei a faculdade, tava bem felizona no meu canto, acabei largando isso pra lá. Agora, dando de cara com as certidões todas, resolvi pegar isso de novo e aprontar tudo. Vai saber o que o futuro nos reserva, né? Paguei uma assessoria que já analisou preliminarmente os documentos e me disse que tenho direito. Agora está me guiando no passo a passo das coisas. Oremos e mangia che te fa bene.

Eu nem acredito, mas é isso aí, estamos em outubro, o mês 10. Que outubro seja tão solar pra mim quanto foi setembro! 

7 comentários:

  1. Que post gostoso de se ler. Que bom que vc já acabou com a mudança e agora é só viver. Btw, seu quarto era fofo.
    Tbm nem tô acreditando que já é outubro. Daqui a pouco é 2016. Credo.
    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O quarto era fofo mesmo, pena que durou nada :(
      Eu tenho uma teoria de que é assim que envelhecemos rápido, hahaha.. Os meses passam voando, e todo dia é quase ano novo. Eu tenho medo de acordar um dia e perceber que é 2038!

      Xx

      Excluir
  2. Gabi, muito bom ler um post assim! :) Fiquei feliz por você: pela conclusão da mudança, pela entrada nos documentos da cidadania, pelo casamento das suas amigas... mas mudança é mesmo uó. Na minha vida toda em SP nunca mudei, mas aqui na Irlanda já foram 3x e em breve uma quarta, já que o proprietário pediu o apartamento (estamos procurando!). Ahhhhh, que preguiça! Não temos móveis (só uma estante que compramos), mas só as roupas, livros, itens de cozinha que temos, affff.... não quero nem pensar! Vou tentar ver isso positivamente como uma oportunidade d me livrar de coisas que não uso mais. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Bárbara, que merda! Não faz muito tempo que vocês mudaram, né? Não rola fazer contrato por algum prazo determinado, tipo 1 ano? Mudança é o cu da cobra. Um saco! É sim uma oportunidade de se livrar das tralhas que vamos acumulando, mas eu preferia simplesmente tomar essa iniciativa espontaneamente, hahaha.. sem precisar me mudar pra isso. Boa sorte com a quarta, e que ela seja mais duradoura :) Bjs

      Excluir
    2. Obrigada, Gabi. Pois é, geralmente os contratos são de um ano sim, mas nós não assinamos o contrato, a gente divide apartamento com um cara (ele sim, assinou o contrato com a imobiliária). Como eles deram mais de um mês de aviso, acredito que esteja dentro da legalidade. De qualquer forma, achamos uma casa e acho que dará certo!

      Excluir
  3. Oi Gabi, que posto gostoso de ler. Eu tenho a mesma sensação. Nem acredito que já é outubro. Revendo fotos do ano passado, que tirei na mesma época, tenho a impressão de que foi ontem. Mas aconteceu tanta coisa de lá pra cá, incluisive uma mudança também. Foi a parte mais difícil do ano. Mostra pra gente como está a sua casa nova :)
    Linda primavera pra você. Aqui estou adorando os dias fresquinhos do outono!
    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, mal posso esperar pra ver suas fotos do outono! Acho a estação mais bonita do hemisfério norte :)
      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir

Follow @ Instagram

Back to Top