Ser mulher é...

... passar pelas merdas nossas de cada dia e sair disso tudo de cabeça erguida. 

Merda n° 1
Na tal convenção, cada presidente de país tinha que apresentar os membros da sua equipe, com nome, cargo e descrição em uma palavra. E aí que os homens eram todos "trabajadores", "proactivos", "dedicados", "focado", e a Gabriela? "Guapa". Foda-se se você passa o dia toureado centenas de processos judiciais, se administra um passivo de milhões, se ministra treinamentos pelo Brasil para educar uma empresa sem educação, se passou 2015 garantindo o resultado financeiro da empresa. F O D A S E. Não importa o que você faça nesse mundo, a sua função principal nele é ser um vaso de flor e enfeitar os ambientes que frequenta. 

Merda n° 2
Um senhor prepara uma dinâmica de grupo, e diz que precisa da minha ajuda. Explica que a dinâmica consiste em um debate entre candidados de 3 partidos diferentes, cada um com um tipo de proposta. Aí eu pergunto, ok, em qual partido você precisa de mim? A criatura responde: não, entre um discurso e outro, preciso que você passe com uma plaquinha escrita round one, round two. Aí eu: ah, tipo ring girl? No thanks. 

Merda n° 3
O mesmo senhor que me chamou pra ser ring girl numa dinâmica de trabalho, caiu no meu grupo em um outro exercício. E adivinha se ele não cortou TODAS as minhas falas? Pois é. Pra ser humilhada sendo a gostosa da dinâmica eu sirvo, pra dar opiniões e contribuir com trabalho efetivamente, não.

Ou seja... Foda-se se a empresa, pessoa jurídica, incentiva a igualdade de gêneros. A PJ não pensa, a PJ não fala. Quem pensa e fala em nome da PJ são esses caras, e esses caras acham isso aí, que o que a gente faz de melhor é ser bonita - e olhe lá. 

Por isso, minhas caras, o negócio é se pintar pra guerra mesmo. 

10 comentários:

  1. é muita merda o que a gente tem que aguentar todos os dias. haja força...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haja, Paulinha... Haja! Mas estamos aí, desenhando um mundo mais igualitário pro futuro, né?

      Excluir
  2. O queeee?! Nossa, eu daria um belo de um barraco se acontecesse comigo! Que absurdo ser tratada desse jeito! To indignada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vonta de dar barraco não faltou, rs... Mas quando se envolve trabalho, há que se ter muito sangue frio, muito jogo de cintura, e dar o jeito de envergonhar essas pessoas. É muito indignante mesmo!

      Excluir
  3. Ser mulher nao e facil mesmo, a gente tem que lidar com esse tipo de coisa..=(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gente não merece lidar com essas coisas, mas infelizmente, ta no menu :(

      Excluir
  4. É querida, só é mulher quem pode, e só tem mulher quem pode. Parabéns por não descer do salto!
    Querido Deus obg por me exportar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, só quem pode mesmo. Haja força! Obrigada pela doçura :)

      Excluir
  5. Adorei a definição "é ser um vaso de flor e enfeitar os ambientes que frequenta", é realmente assim que me sinto quando 2x por ano ocorre um evento jurídico do escritório em que trabalho... Foda-se se os prazos cumpridos, os processos com êxito, as metas cumpridas, enfim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que eu fico mais indignada, é que essas pessoas chamam a gente de bonita no meio do trabalho, dizem que é nossa maior qualidade, e pensam que tão elogiando. Acreditam piamente que a gente vai ficar feliz da vida, estão completamente fora da realidade... De foder mesmo.

      Excluir

Follow @ Instagram

Back to Top