Ser mulher é...

Uma vez escrevi aqui sobre 3 casos de machismo que aconteceram comigo num curtíssimo espaço de tempo. Hoje aconteceu uma outra situação, escandalosa eu diria, e resolvi que agora vou contar aqui TODOS os casos de misoginia que se passarem comigo. Entendi que o registro vai mostrando volume, e a gente vai percebendo o tanto de merda que aguenta nessa vida, e a urgência que a nossa sociedade tem de mudar. 

Hoje de manhã, estava dirigindo quando fui fechada por um carro que mudou de faixa sem dar seta, nem nada. Quase bati. Além de brecar, enfiei sim a mão na busina e dei uma daquelas loooongas businadas. E aí, gente... Começou. 

No momento em que businei, o carro que me fechou, que estava na minha frente, brecou. O semáforo lá na esquina estava fechado, mas ele brecou muito antes do semáforo. E então começou a dar ré. E dar ré. Até encostar no meu carro. E então bateu 3 vezes no meu carro, até empurrar meu carro pra trás. E ai veio e bateu de novo. E eu estava completamente encurralada, com o carro dele na minha frente e um carro atrás (que estava businando com medo de eu bater nele também). Então o sujeito dentro do carro saiu do carro, e começou a me xingar: Vadia, vai tomar no cu, sua puta, sua puta, vai tomar no meio do seu cu, no meio do seu cu, sua puta. Eu não tive coragem de abrir a janela, de fazer nada. Só olhava pro cara e falava, de dentro do meu carro você é louco. Não tive coragem mesmo de fazer algo a mais que isso: 8:40 da manhã, e uma pessoa nesse total descontrole, coisa boa não é. Então ele voltou pra dentro do seu carro, bateu mais uma vez no meu, o semáforo abriu lá na frente e ele seguiu. 

Pergunto: alguém aqui acha que esse cara faz esse circo todo toda vez que alguém busina pra ele? Será que se eu fosse um homem, ou tivesse um homem dentro do carro, ele faria isso tudo? Ou será que ele viu pelo retrovisor que era uma mulher sozinha e resolveu por toda a sua macheza pra fora?

Acabou que não fez nada no meu carro, só amassou a placa. Mas me senti muito agredida, ameaçada. Eu nunca me meti em briga de trânsito, porque sei que a gente não imagina quem ta do outro lado. Mas não posso buzinar? Como sou mulher eu tenho que aguentar todas as irresponsabilidades de terceiros sem dar a mínima manifestação? 

Que nojo dessas pessoas, que nojo.

13 comentários:

  1. Nossa Gabi, que coisa horrível! Com certeza ele foi "corajoso" suficiente pra fazer isso porque vc tava sozinha. Eu acho que no seu lugar faria o mesmo, não sairia do carro, mas a vontade que dá é de sair, xingar e enfiar um belo de um soco num cara desses. Mas e aí, e se o cara partir pra agressão física? Onde isso vai parar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. A minha vontade era de gritar, espernear e brigar. Mas como você bem perguntou, onde isso vai parar? Por isso me ative a controlar os nervos, coisa que gente civilizada faz. Mundo cão esse.

      Excluir
  2. Nossa, que raiva desses acontecimentos! É um sentimento de muita revolta, pq você se sente com medo, se reagir.. não sabe o que um louco desses pode fazer! Com certeza se tivesse um homem com você esse babaca não iria fazer isso, o que é revoltante também. Nós mulheres só merecemos ser respeitadas na presença de um outro homem? É ridiculo.
    Hoje mesmo uma amiga escreveu no facebook, que um louco quase a atropelou quando ela estava atravessando na faixa de pedestre, ela se manifestou perguntando qual era o problema do cara.. e adivinha? Claro que ele começou a chamar ela de puta, vadia.. essas coisas e ainda tentou jogar o carro nela de novo. Gente, também me pergunto.. onde isso vai parar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A impressão que tenho é que as pessoas estão completamente fora da casinha, sabe... Pelo menos a sensação é de que como ninguém confia em governante, em justiça, em polícia, o povo sai "se defendendo", fazendo o que bem quer, com a agressividade a flor da pele. É esse o clima. Onde isso vai parar, eu não sei. Mas boa coisa não é.

      Excluir
  3. GAbi acho que se fosse um homem ele nao bateria 3/4 vezes no carro ele sairia na primeira e começaria a xingar muito. Claro que o fato de voce ser mulher fez ele se sentir a vontade de extravazar toda a raiva da vida dele em voce. Lamento muito que voce passou por isso, e muito louco nesse mundo. E acho pior que por ai nao da pra fazer nada, tipo anotar a placa do carro e reclamar na policia, ou algo do tipo =(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Monique, eu anotei a placa. Através de sistema do Detran, rapidinho achei o dono do carro, endereço, ocupação, trabalho, esposa, etc. Esses idiotas fazem essas merdas e esquecem que hoje o mundo é pequeno, né. Eu fiz um BO, citei todos os dados dele, e se um dia ele for minimamente questionado por esse assunto, já me dou por satisfeita. É aquilo que você disse no seu post.. tanto idiota nesse planeta, rs. Dei o azar de businar pra um. Beijos!

      Excluir
    2. Eu não sabia que voce podia fazer um B.O. em uma situação dessas se não tivesse um policial ali na hora ou testemunhas pra irem com voce, mas que bom que deu pra fazer alguma coisa. E voce tem toda razão nessa internet nossa onde privacidade não existe mais, voce descobre tudo da vida de alguem, ja imaginou se ele fizesse isso com alguem do C* bem riscado e a pessoa fosse atras dos filhos, mulher, casa....E muito idiota mesmo. A pior parte e que ele tava super errado, em vez de pedir desculpa e ir embora quis ganhar no grito. Sera que a policia notifica ele? Seria otimo se ele fosse notificado e aprendesse uma lição importante sobre consequencias e reaçoes =/

      Excluir
  4. Gabi, sinto muito por isso. Cara, é surreal pensar que esse tipo de coisa acontece diariamente, com mulheres ao redor do mundo todo. Por que os homens ainda acham que podem tratar a gente assim? A gente se sente coagida, insultada, humilhada e com muito medo - afinal de contas, vai saber se (perdoe o português) o filho da p*ta não tem uma arma no carro?! Que medo de viver num mundo assim.

    Acho que a única coisa que podemos fazer é tentar reverter o problema com as novas gerações. Mostrar pros nossos meninos, desde cedo, que as mulheres são tão importantes e valiosas quanto os homens, que todos tem o seu valor, o seu papel na sociedade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando ele saiu do carro, foi exatamente isso que pensei: Deus ajude que não esteja armado. Porque eu já tinha percebido que era um desequilibrado em ação. E sabe o que é pior? Como comentei ali, através da placa, eu achei tudo. O cara é um pai de família, casado, com dois filhos pequenos. Eu gostaria só de saber o que ele acharia se alguém um dia fizesse isso com a mulher dele, ou com a filha. Aposto que a postura dele seria outra. E nesse sentido que você falou, imagina os seres humanos que esse cara ta educando, né...

      Eu penso assim também. Está nas nossas mãos tentar reverter isso pro futuro, porque o presente já foi. Infelizmente, essa foi uma entre muitas situações que nós passamos no dia a dia, e por vezes nem percebemos o quão carregadas de machimos elas são.

      Excluir
  5. Meu..que nojo, que raiva desse cara. Lamento muito isso ter acontecido com você. Cabeça pra cima, querida. Isso não diminui em nada a tua grandeza. Fica bem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Ana. É uma raiva absurda, e eu fiquei tremendo por horas. Mas depois passou, eu fiz o meu dever de cidadã, que foi abrir o boletim de ocorrência, e entreguei o resto pro mundo. Um dia esse cara encontra o que ele procura, né?
      Beijos

      Excluir
  6. Que nervoso!! Que raiva!! Fiquei aflita só de ler seu relato! Que atitude nojenta desse cara. Infelizmente acontece todos os dias.
    Quando eu estava tirando carta meu instrutor (depois de eu ter engatado a marcha errada) me disse que lugar de mulher era mesmo na cozinha. Veja bem, o instrutor falou isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ridiculo, absurdo. Se o cara nao consegue por o machismo de lado, que pensasse ao menos que se voce soubesse dirigir nao tava ali precisando dele pra ensinar. Toda vez que eu lembro dessa historia - ja se passaram duas semanas - eu sinto o sangue fervendo.

      Excluir

Follow @ Instagram

Back to Top